O que você procura?

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Dica da Leitora: Roteiro de Viagem pela Costa dos Corais

A Érika, do blog Outros Ares, foi uma das minhas primeiras amigas virtuais e super incentivadora do Maceió das Crianças. Quando estava com viagem programada para Maragogi, pediu-me algumas dicas, mas já tinha um roteiro pré-definido. E que roteiro! Convidada a escrever para o nosso blog, ela não hesitou e fez mais do que isso! Fez um super Post com dicas maravilhosas e fotos de tirar o fôlego! 
Obrigada, amiga! 

_________________________________________________________

Roteiro de Viagem pela Costa dos Corais
By Érika Marques



A Costa dos Corais, área de proteção ambiental (APA) desde 1997, se estende de Tamandaré – PE até a praia de Paripueira no litoral sul alagoano. Segunda maior barreira de corais do mundo perde apenas para Austrália, formando deliciosas piscinas naturais na maré baixa perfeitas para toda a família.

O ponto de partida desta aventura foi Maragogi-Al, situada no litoral norte de alagoas, distante 120 km de Recife-PE e 140 km de Maceió-AL. O trajeto mais curto e rápido é a partir de Recife. Alugamos um carro na Unidas, onde arrematamos um desconto devido as passagens aéreas terem sido pela Gol.

Escolhemos a Pousada Encontro das Águas, localizada na praia de peroba, primeira praia de Alagoas, pertencente à Maragogi, praticamente na divisa com Pernambuco.
Esta hospedagem foi um achado, pois viajávamos em família, com crianças de 3 a 8 anos e os mega-resorts Salinas e Miramar não estavam no nosso orçamento. A Pousada Encontro das Águas tem preços viáveis, acessíveis e proporciona conforto e entretenimento a todos.



1º dia – Passeio às piscinas naturais de Maragogi
Escolhemos a Taoca, por ter a fauna e a flora marinha mais preservada. Contratamos o serviço do Restaurante e Estalagem Gaivotas, situado na Vila central de Maragogi. R$ 50,00 por pessoa, criança free.

2º dia – Praia de Carneiros – PE
Distante apenas 39 km de Maragogi, Carneiros é considerada uma das praias mais bonita do Brasil. Instalamos-nos na Barraca e restaurante Bora-Bora, por ter melhor estrutura para os pequeninos, entretanto os preços são exacerbados. De cara, no estacionamento paga-se R$ 50,00 por carro. A boa notícia, é que este valor pode ser abatido na conta, e vai por mim, acaba no primeiro minuto que você está lá J Bebemos e petiscamos.
Quem preferir, ao lado da barraca, está o restaurante Beijupirá, estabelecimento estrelado e, diga-se de passagem, uma delícia. Provamos e aprovamos sua gastronomia quando estivemos em Porto de Galinhas numa outra época.
Em frente à praia, formam-se várias piscinas naturais. Lembrete: vá de preferência com a maré seca, a praia se torna mais bonita e perfeita para as crianças.
Almoçamos ao retornar, no Restaurante Calamares, na cidade de São José da Coroa Grande-Pe, praticamente divisa com Maragogi-Al.



3º dia – Japaratinga – Porto das Pedras – São Miguel dos Milagres
Lugares de belezas inquestionáveis para pouco tempo. Resumo da ópera: rodamos muito e não aproveitamos quase nada. Meu marido quase me mata, pois não via a hora de parar e relaxar. Essa minha mania de querer conhecer tudo e achar que é perto... Viajando com crianças temos que dá um desconto, o tempo passa ligeiro e às vezes os deslocamentos levam mais tempo.

Japaratinga não é tão famosa como sua vizinha Maragogi, mais possui belezas admiráveis tão quanto. Paramos somente  na volta, pois caso contrário não daria tempo de conhecer tudo que estava planejado.


No final da vila é ponto de partida da travessia da balsa para chegar até Porto das Pedras. Aqui empacamos, a fila de carros estava grande e demoramos por volta de 1 hora para atravessarmos.  Íamos ver o projeto do Peixe-boi, mas a fila estava imensa, pulamos este passeio, que segundo relatos é super interessante.

A próxima parada foi a Praia do Patacho, ainda em Porto das Pedras. Esta praia foi eleita pelo Guia quatro rodas, como uma das mais bonitas do Brasil, possui cinco estrelas. E merece viu! Conseguimos chegar à maré baixa (tudo devido ao planejamento). Dava para caminhar uns 500 metros mar adentro, com a água nas canelas. Importante: Não há infra-estrutura no local: leve sua água, lanche e guarda-sol. Como o tempo era curto, seguimos viagem. Af! Parecia uma excursão não? Nunca mais faço isso...



Chegamos a São Miguel dos Milagres, mas não vimos à praia, para ter acesso creio que seja através das pousadas de charme, que por sinal não conhecemos nenhuma. Já eram 13h30min as crianças com fome e se irritando.

Voltamos e paramos em Japaratinga, onde devíamos ter ficado desde o início.

O que eu faria diferente: Porto das Pedras e São Miguel dos Milagres mereciam atenção maior, como era necessária a travessia de balsa, cheguei à conclusão que da próxima vez, o ideal seria se hospedar do lado de lá e aproveitar o que a região tem de melhor, assim ninguém se cansa e é feito tudo em seu tempo.

4 comentários:

  1. Olá que bom que gostou, foi um prazer contribuir com teu blog.

    Para quem tiver interesse, esta semana escrevi a resenha sobre a Pousada Encontro das Águas, tá lá no blog.

    Boa semana a todos,

    Érika

    ResponderExcluir
  2. Estamos rodando praias no Nordeste de Natal até Aracajú. Já passamos por, RN: Pipa e Tibau do Sul,PB: Praia do Jacaré, Tambaú e Farol da Barra. PE:Porto de Galinhas,Muro Alto e AL: Maragogi, Carneiros, gunga,Francês e a partir de amanhã, viajando até Aracajú. Na volta, ficamos de olho na Pousada Encontro das águas que você cita nesta postagem, está do nosso tamanho e gostamos do jeito dela. Abs a todos.

    ResponderExcluir
  3. gostaria de saber se no mês de julho é chuvoso e se as águas são tão transparentes assim,caso o mês seja chuvoso.pois, pretendo tirar féria neste mês e ainda não decidi meu destino.

    ResponderExcluir
  4. @kingosni, aqui em Maceió, as chuvas começam em maio e vão até meados de agosto, com ápice em junho. Caso você venha em Julho, tanto poderás pegar uma semana de chuva quanto uma semana de sol,mas ambos sem frio. Pense em vir para descanso e curtir o mar assim que der "uma brechinha". Qualquer coisa, é só falar.
    Abraço

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante! Obrigada!