O que você procura?

segunda-feira, 5 de março de 2012

A licença maternidade acabou. E agora?


Hoje em dia, muitas mães conciliam a vida de mãe e profissional. Apesar de desgastante, essa jornada não é impossível e pode funcionar bem com certa organização.

Quando chega a hora de voltar para o trabalho, o coraçãozinho de todas as mamães ficam apertados. Afinal, a separação do bebê e a insegurança nos trazem muitas angústias. Lembro-me do meu primeiro dia de volta ao trabalho e a quantidade de vezes que liguei para casa para saber como estavam as coisas. Lembro-me também de como eu ficava angustiada nas vezes em que ninguém atendia o telefone. Que tortura!

Sempre vem a dúvida: com quem deixar nosso filho, nossa pérola mais preciosa? Tranquilidade para as mamãe é quando podem deixar o filho com a vovó. Mas e quando isso não é possível? E quando se mora longe da família ou as vovós trabalham? Só restam duas soluções: deixá-lo com a babá ou levá-lo a uma creche ou berçário. Cada uma destas opções tem suas vantagens e desvantagens.

A BABÁ
Uma profissional de confiança é alguém que pode estabelecer um bom vínculo afetivo com a criança, cuidar dela dentro de uma rotina estabelecida pela mamãe num ambiente conhecido, seguro e que traz tranquilidade. É preciso saber escolher bem essa pessoa e se cercar de todas as referências possíveis pois mesmo quando achamos que escolhemos a pessoa certa, ainda assim podemos ter surpresas. A desvantagem? Bom... eu começo dizendo que é uma pessoa que assume o papel “auxiliar de mãe” na nossa ausência, mas... não é parente, não é da família. E como manter a confiança e sentirmos seguras com uma desconhecida que cuida do nosso maior bem? Por isso, não dá para ser qualquer pessoa. É recomendável que essa pessoa esteja na sua casa antes do beber nascer, pois dará tempo de você conhecê-la melhor e avaliar se ela é responsável o suficiente para cuidar do seu filhote. Muitas mamães que optam por babá, também escolher utilizar todos os aparatos tecnológicos que lhes tragam mais segurança. Eu costumo dizer que até nós mães às vezes perdemos a paciência com nossos filhos. Imagine uma pessoa sem qualquer laço afetivo! Já tive e tenho babá, mas confesso que ainda é muito difícil confiar. Eu confio, mas desconfiando, sempre.

A CRECHE OU BERÇÁRIO
Parece ser uma boa opção quando não se conseguiu encontrar alguém de plena confiança. Em uma boa creche, são muitas profissionais em constante vigília o que dificulta acontecerem maustratos. A creche ainda é um lugar que promove a interação social da criança e possibilita um grande desenvolvimento psicomotor.
Ah! Então, é as mil maravilhas! Não, não... Na creche, a rotina que a criança segue não é a da mamãe, o pequenino está em um abiente estranho, fora da sua casa, junto com muitas crianças o que as faz dividir a atenção e o carinho (importantes para o desenvolvimento emocional da criança) e ainda favorece o aparecimento de viroses e outros tipos de infecções.
Na hora de escolher, vale visitar várias escolinhas, observar a rotina de lá, conversar com a direção e com outras mamães que deixam seus filhos naquele local, e, IMPORTANTÍSSIMO, saber quantas monitoras existem para cada criança. Isso evita as negligências com os cuidados e necessidades das crianças. Na época, eu não encontrei boas opções de berçário nas proximidades da minha casa ou trabalho. Aqui em Maceió, conheço poucos locais que oferecem berçario e horário integral. Você indica algum para nossas leitoras?

E você, mamãe? Qual foi a sua decisão?
Compartilhem sua experiência conosco!

* Foto: Opiniaosa

20 comentários:

  1. Priscilla Calheiros6 de março de 2012 19:35

    Perfeito o texto. Eu adorei e vou deixar Melissa com a Vovó!!! rsrsrs Bjs

    ResponderExcluir
  2. Esse momento é muito complicado, meu filho ficou com o pai até 1a6m, uma tranquilidade, então decidimos colocá-lo na escola no mini-maternal. Escolhemos a escola Acalanto e estamos gostando bastante. Muito organizada e excelente estrutura. Quando vi outras mães na mesma situação, deixando os filhos para irem trabalhar, minimiza a dor, é como entrar para um grupo, é como dividir silenciosamente a mesma sensação. Força mães, escolhemos trabalhar porque oferecer o melhor para nossos filhos é prioridade, é exemplo!!!

    ResponderExcluir
  3. Olá! Parabéns pelo blog. Estamos de mudança para Maceió e esta página será muito útil para nós. Gostaria de saber quias bons berçários existem ai na cidade?

    ResponderExcluir
  4. @Aldemir, Muito obrigada pela sua visita.
    Qual a idade do seu bebê e em que bairro irás morar para indicarmos algo próximo à sua residência.

    ResponderExcluir
  5. Aline, o meu bebê terá 1 ano de idadee moraremos entre Jatiúca e Ponta Verde. Obrigado.

    ResponderExcluir
  6. @Alder, fiz um levantamento com todas as mamães do grupo "mães de maceió", no facebook, e indicaram a escolinha ACALENTO como a melhor opção para os pequeninos. Faça uma visita e veja se gosta. Um abraço

    ResponderExcluir
  7. Aline, obrigado pela dica. Só estarei em Maceió no mês de junho e com certeza marcarei uma visita. Mais uma vez, muito obrigado e parabéns pelo seu blog!

    ResponderExcluir
  8. Olá, parabéns pela iniciativa! Temos uma filhota que irá completar 5 meses em outubro que é quando acabará a licença maternidade, gostariamos de saber se tem alguma indicação para o bairro do trapiche até a proximidade da pajuçara??? Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bruno! Tudo bem?
      No Trapiche e Começo da Pajuçara realmente não sei de nenhuma escolinha, mas tem uma outra chamada Vovó Eulália que fica na Ponta Verde e tem horário integral. Fica mais uma dica. Qualquer outra dica, favor nos avise! Obrigada.

      Excluir
  9. Oi pessoal, tenho um bebê de 5 meses e gostaria de saber da opnião de vocês sobre o berçario Vovó Eulália, penso em coloca-lo lá mês que vem, sei que a Acalanto é muito boa, mais lá é bem mais caro ja que preciso de um local tempo integral!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Existe uma nova creche e berçário que fui conhecer com minha irmã lá na Serraria.Adoramos a estrutura e os preços. Tempo integral 500,00 com direito aos lanches e refeições principais e meio período 300,00.
      O nome é Baby Hotel Colinho da Vovó. Fica no Conj. Samambaia, próximo ao G Barbosa Serraria. O tel é 8811-9499. Minha irmã está nos ultimos meses de gestação e depois de muita pesquisa se agradou deste berçário. Assim que ela voltar da licença maternidade ela já sabe onde deixar o seu bebê.

      Excluir
  10. olá, meu bebê vai completar 1 ano e 3 meses, e estou atualmente com uma babá por 10 meses em minha casa cuidando dele, porém, está cada vez mais caro e quanto a indenização e os direitos trabalhistas...nem me fale!!!Afff!Por isso preciso saber se o Coleginho e creche Santa Clara Baby no Murilópolis, Barro Duro é de confiança...estou desesperada!Por favor me ajudem!Obg!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não posso falar da Santa clara baby pois não botei minha filha lá, pois não gostei da estrutura. Porém, minha filha estuda desde os 1ano e 10meses no Colégio Novo Milênio que também é creche, hj está com 5 aninhos e recomendo. Fica na rua da pizzaria Piratas do Picuí antes da Dell Popolo bem próximo da Santa Clara Baby.
      colégio Novo Milênio 3328-6660. Olha o Face também

      Excluir
  11. Adorei o texto!!! Alguém poderia me informar se a escola santa clara baby da jatiúca é recomendável ?? Desde já agradecida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada. Infelizmente não conhecemos o Santa Clara Baby

      Excluir
  12. Ola

    Alguém conhece uma creche boa p um bebe d 5 meses na serraria?

    Desde já agradeço

    ResponderExcluir
  13. Oi Aline, parabéns pelo blog! Alguém conhece alguma creche ou bercario nessa parte do Eustaquio Gomes??

    ResponderExcluir
  14. Gostaria de sugestões de creche ou berçário próximo a minha residencia que fica no sítio são jorge. Grata

    ResponderExcluir
  15. Gostaria de indicação de berçário próximo a minha residência Benedito Bentes.

    ResponderExcluir
  16. Boa noite, alguem tem algo que possa me informar sobre a creche Aladim ?Se conhece, já teve algum problema..

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante! Obrigada!